20 de mar de 2019

PONTOS A PONDERAR

01.
O TORNEIO

O torneio para liquidação da Lava-Jato, segue em acirrada disputa. A competição vem sendo liderada pelo Cartel dos Leguleios, seguido de perto pelos ministros suprassumos da lei e da ordem. 

Na terceira posição vem a grande Casa do Povo com seus mais de 300 picaretas. Correm por fora as tradicionais ''forças-vivas'' que usam a coisa pública como privada.  

A próxima descarga será dada no dia 10, quando os líderes do torneio voltarão a julgar o que já julgaram: a prisão em segunda instância.

02.
COMEÇOU A REVOADA

Pois, assim como quem não quer nada, a Segundona do Dias Toffoli mandou o inquérito de Lindbergh Farias que nunca fez nada a não ser tramoias e enganações, para a Corte Eleitoral. Mandou para o TRE - Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. E eis, então que assim começou a revoada para Pasárgada: lá, eles são amigos do rei.

03.
OS ALVOS DA FALANGE
A Falange Maledetta sabe muito bem que a Operação Lava-Jato tem quatro pontos fundamentais de apoio: 01) Justiça Federal; 02) Promotoria Pública; 03) Polícia Federal; 04) Receita Federal. Pois não é que a banda bandalha está alvejando um por um desses alvos a céu aberto?!?

04.
A PIOR SAFRA
A pior safra de julgadores de qualquer instância que o Brasil já teve é esta que se consolida, cada vez mais, como o aparelho predileto do crime organizado de paletó e gravata para desbaratar o combate à corrupção.

05.
INDA QUE MAL PERGUNTE
Se houvesse no Brasil um portal, uma Bastilha de resistência à Lava-Jato, quem você acha que seria o seu grande líder?!?

06.
QUEM, QUEM?!?
Cada vez com mais jeito de Renan Calheiros, Davi, o Alcolumbre, está queimando a CPI da Lava-Jato. Alega que não é hora de se ''desestabilizar'' a relação entre os poderes republicanos. Pô, do jeito que a coisa está, isso não é ''relação''... é cumplicidade. A não ser os ''donos do pedaço'', quem está querendo que as instituições continuem funcionando como ''estão funcionando''?!?

07.
ESBÓRNIA
Pois então, a corrupção de Lindbergh foi parar com cara de Caixa-2 no TRE do Rio, lá na Baixada Fluminense, terra de ninguém. Quer dizer, nesses casos, a safra atual do STF acha que não há nada como uma segunda instância. Que esbórnia!

08.
O SOBERANO INQUISIDOR

Talvez o mais apagado e triste ministro da safra atual do Supremo, Alexandre de Moraes, está se achando: é que pra lá de apadrinhado de Michel Temer, ele agora foi coroado soberano dos inquéritos persecutórios de quem vitupere contra a honradez e o caráter sem mácula dos intocáveis do templo da Justiça brasileira. 

Seu discurso foi um primor de talento e compostura: "Eles podem espernear à vontade". Palmas que ele, enfim, acha que merece. 

09.
INDA QUE MAL PERGUNTE...
Mandar investigar é fácil; difícil é que ''eles'' sejam investigados. Cadê o ''jeitinho brasileiro'' numa hora dessas... cadê?!?

10.
PENSANDO BEM
Dias Toffoli, com seu inquérito secreto, acabou com a carreira de ministro dos seus pares e ímpares, promovendo-os a arapongas da República. 

11.
ACORDEI EM SOBRESSALTO

Esta noite, sei lá por que cargas d'água tive um pesadelo, coisa que desde os tempos das sabatinas no Curso Ginasial, eu não tinha. 

Sonhei que o Gilmar Mendes era professor e me dava aula de vocabulário. E ele me repetia em tom professoralmente gutural: Gentalha! Gente desqualificada! Despreparada! Covarde! Gangsteres! Cretinos! Infelizes! Reles! Máfias! Organizações criminosas! 

E, então vociferou o que acabou me acordando em sobressalto: "Força-Tarefa é sinônimo de patifaria"!

12.
FAUNA, FLORA E GENTE...

Tá, então tá, o Brasil pode entrar para a tal OCDE - Organização de Cooperação ao Desenvolvimento Econômico. Coisa de rico. 

Então inda que mal pergunte: o Brasil é pobre ou rico?!? O que eu sei é que a gente aqui tem tudo que os países ricos querem e gostariam de ter: fauna, flora e gente boa. Noves fora os picaretas de todas as classes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário