8 de ago. de 2020

 

PONTOS A PONDERAR...

Por: Sérgio A. O. Siqueira

01.

QUEM TEM MEDO DA LAVA-JATO...

Quem é que mexe em time que está ganhando?!?

02.

IMPUNIDADE

Cármen Lúcida e Celso Decano Curto, não fugiram da arapuca de Gilmuar e Levianowski contra Moro; decidiram a impunidade de Lulavagem da Silva.

03.

DEPENDÊNCIA

As Forças Armadas cancelaram em todo o país, os desfiles militares de 7 de Setembro, Dia da Independência. Pra lá de certo. Nunca antes na história desse país o Brasil foi tão dependente das aglomerações dos donos da República da Toga da Mironga.

04.

LULAMBOS

Tá, eu tenho pavor da ideia de que o PT e seus acólitos tenha sequer a mínima e terrível chance de ressurgir das cinzas e renascer das brumas, mas essa coisa dos dez cheques de R$ 4 mil cada um do Queiroz para a Michelle Bolsonaro tem que ser muito bem escarafunchada. Se há coisa bem ridícula e sem graça é ver um lulambento rindo de um esfarrapado.

05.

POBRE RIO

Deslizamento no morro da Mangueira desalojou 12 famílias. Imagine só, como está o Rio de Janeiro agora que está cercado de milicianos e traficantes que descem das favelas e se espraiam do Leme até o Leblon, na outrora Cidade Maravilhosa...

06.

HABEAS PORCUS... ISSO NÃO TEM PREÇO

Tal como Adão, há séculos dos séculos cofiando os pelos pubianos ao derredor de Eva, sem mais nada para fazer no paraíso, agora mesmo Gilmuar – O Habeas Porcus ambulante, mandou soltar no meio dessa quarentena de dolce far niente, o baldoso Alexandre Baldy, secretário de Transportes de Sampa.

Na última quinta-feira, Baldy foi preso, em um desdobramento da operação Lava-Jato, por denúncias de que vinha fraudando contratos da área de Saúde. O baldoso Baldy é acusado de receber propina para favorecer uma empresa num contrato com a Fiocruz.

E assim é que, em nome das brechas da lei que ele sempre encontra, Gilmuar consegue atrapalhar e – é quase certo – desmanchar mais um trabalho da Lava-Jato.

Quanto isso vai custar para a Justiça e para o bem da sociedade brasileira, só o diabo na Terra do Sol pode saber. Este foi só mais um Habeas Porcus, com o selo de garantia de Gilmuar, O Escoiceador-Mor, para mais um salafrário contumaz...  Isso não têm preço.

 

PONTOS A PONDERAR...

Por: Sérgio A. O. Siqueira

Porque hoje é sábado / Os malandros querem que a gente pague o pato / Porque hoje é sábado / Eles só pensam em acabar com a Lava-Jato

01.

E DAÍ?!?

Tá, então tá, assim como se dá em toda e qualquer sala de político, houve rachadinha no gabinete do antigo deputado estadual carioca, Flávio Bolsonaro. E daí, o que é que o governo do pai dele tem a ver com isso?!?

 

02.

O FUTEBOLHA TEM DISSO...

Palmeiras e Corinthians decidem o título do Paulistão da Pandemia. O jogo é de matar e morrer. A rivalidade é tanta que só serão escalados, nos dois times, os jogadores com teste positivo de Covid.

03.

GOLPE FRUSTRADO

O golpe para domínio dos acordos de leniência, desfechado na quinta-feira por Toffolia com a parte do governo interessada em acabar com a Lava-Jato e com a independência constitucional do Ministério Público, deu com os burros n’água. Sem a assinatura do Ministério Público, a enjambração não vale nada.

04.

ENTREMENTES...

O procurador-geral da República não desiste de devassar os arquivos da Lava-Jato. A PGR está recorrendo da decisão de Frachin que barrou a invasão de Aras, o Augusto nos alfarrábios da sede, em Curitiba.

 

05.

AVIÃO PARTIDO EM DOIS

Avião aterrissa mal na Índia, sai fora da pista e se parte em dois. Morreram 17 dos mais de 180 passageiros. Os dois pilotos da aeronave estão entre os mortos 

06.

ME DÁ DOIS...

Dólar a R$ 5,40. É a vez de qualquer estrangeiro chegar nas nossas lojas que estejam aberta e, fazer como os argh!entinos faziam quando eram ricos: “Dame dos!”.

07.

INFLAÇÃO

Pelo Consórcio dos Jornalojões “a inflação avança a patamares nunca antes alcançados nos últimos quatro anos”. Ah, a culpa é da pandemia do Bolsonaro.

08.

JÁ ESTAMOS ACOSTUMADOS

O número de mortos na explosão de Beirute chegou ontem a 154. Apesar de mais bonita e ribombante a explosão não foi nada que se compare à das torres gêmeas de Nova Iorque naquele já distante 11 de Setembro. Na realidade, o mundo já está acostumado com tragédias.

09.

AH, TÁ...

E eis então que Gilmuar Boca Rica é o novo relator da ação contra a reeleição urdida por Rogringo Mala e Alcoolúgubre. Ah, tá...

10.

LIBERDADE PARAGUAIA

O Ministério Público do Paraguai pediu ontem liberdade para Ronaldinho Gaúcho. É nessas horas que se vê que, principalmente no Paraguai, liberdade não tem preço.

7 de ago. de 2020

 

PONTOS A PONDERAR...

Por: Sérgio A. O. Siqueira

Porque hoje é sexta-feira / Há um ladravaz por aí dando o bote; / Porque hoje é sexta-feira / O que deve de cadeia é só mais um calote.

01.

TODO DIA É DIA

Algo precisa ser feito. O Brasil não pode mais continuar refém dessa confraria de togas da Mironga para a qual todo dia é Dia de Juízo Final.

Dos 11 semideuses ali empandilhados, sete foram batizados e apadrinhados por Lulavagem e Dilmandioca; e os demais, foram abençoados por Sarney do Maranhão, Fernandinho Beira-Collor, FHCínico e Docas Temer.

Desconheço núcleo de poder mais danoso na história dessa nossa democracia que só perde em tamanho para a Índia, os EUA e a Indonésia.

02.

O FUTEBOLHA TEM DISSO...

Corinthians & Palmeiras, zero a zero. Nunca antes na história desse outrora País do Futebol um placar ajustado foi tão justo. Não sei se parecia um Fla-Flu ou um Grenal. Nem o meu Vascão dá Gana cometeria um futebolha tão ruim e sem calor humano, por pior que mal jogasse lá em São Januário sem plateia.

03.

O GARANHÃO DE PELOTAS ALERTA PARA O MAIS RECENTE GOLPE NA PRAÇA

O Garanhão de Pelotas recebeu de Mr. Tony Bridges, seu agente americano no Brasil, lá em sua chácara em Bora Bora no arquipélago de Sociedade, na Polinésia Francesa, a seguinte mensagem que me repassou para repassar-lhes:

“Fizeram um depósito na minha conta de R$ 680,00, e ligaram dizendo que o valor foi depositado na conta errada, se eu poderia estornar. Olhei na conta e o valor constava lá, porém resolvi falar com meu gerente pra saber como estornar esse valor e ele me respondeu o seguinte: "Não estorna nada! Isso é golpe!! Estão realizando depósitos nas máquinas de caixa eletrônico com envelope vazio e dizem que fizeram errado para estornar o valor para conta do golpista. Se te ligarem de novo fala que já avisou o banco e a polícia. Estão ligando de vários Estados."

Então, todo cuidado é pouco. Fica o alerta e compartilhem com os amigos. Ah, sim, sim... O Garanhão de Pelotas mandou um abração pra vocês.

04.

CONSÓRCIOS DOS JORNALOJISTAS

Acredito na ciência; desconfio é dos porta-vozes dos cientistas.

05.

RIO, CIDADE SITIADA

Rio, velha Cidade Maravilhosa, sitiada! O Rio é uma ilha de políticos marginais, cercada de morros, favelas e traficantes por todos os lados.

06.

O ASSALTO

Fábio Wajngarten, secretário-executivo do Ministério das Comunicações, reagiu a assalto e prendeu o bandido. Quase executou o assaltante que queria, porque queria o seu relógio, decerto um Rolex de camelô. Como demitir um cara desses é tarefa de alto risco, não duvido nada que, em nome do armamento da população, ele seja condecorado.

07.

METIDO A SEBO

Aras, o Augusto, não desiste. Agora anda à cata de uma alternativa para acessar dados da Lava-Jato. Se não fosse tão exibido e metido a sebo, era só ir pedindo aos procuradores que eles o atenderiam. Agora, só está levando o que merece.

08.

A DIFERENÇA

Contra Augusto Aras, há um pequeno detalhe: ele não tem da sociedade brasileira a simpatia que a Lava-Jato tem.

09.

O RABO E OS CACHORROS

A pedido Flávio Bolsonaro, o Conselho de Justiça agora vai investigar o Ministério Público do Rio de Janeiro. É a tal piada de mau gosto do rabo sacudindo o cachorro. Isso, o Lulavagem da Silva fez a Milícia Lulatroz do STF fazer com o Sérgio Moro.

10.

PERGUNTE POR PERGUNTAR

Pergunte a qualquer político – de vereador a senador; de prefeito a governador – qual era o salário dele antes de ser eleito.

11.

QUERER E FAZER

Na vida, de vez em quando e quase sempre, eu fiz só o que quis; de resto fui fazendo o que era preciso.

12.

DEMOCRACIAS

Querem saber duma coisinha de nada: cada vez me agrada menos essa infiltração de Bolsonaro nas polícias. Mas até entendo que, em não podendo contar com a proteção das togas da Mironga, o presidente procure outros caminhos para manter a governança.

O diabo é que não consigo achar que seja lá essas coisas trocar-se a democracia de gaveta por uma democracia policialesca. Nenhuma das duas faz o meu gênero. E nenhuma das duas dá paz e felicidade a uma nação.

13.

EIS AÍ O 13

Pronto, chegamos ao item 13: Lembro, uma vez mais que, graças aos milicianos Luláticos do STF, Lulavagem da Silva está devendo ao Brasil pelo menos 30 anos de cadeia, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. E pelo jeito não vai pagar. Vai dar mais um calote. É da sua natureza.

6 de ago. de 2020

PONTOS A PONDERAR...

Por: Sérgio A. O. Siqueira

Porque hoje é quinta-feira / esse meu país confunde imunidade / Porque hoje é quinta-feira / com a mais calhorda impunidade

01.

ORA, DIREIS, A VER NAVIOS...

O Supremo Tribunal Federal, por representar um tribunal de jurisdição nacional e por ser composto por apenas onze ministros, só deve apreciar aquelas ações em que o interesse da nação esteja em jogo. Sua competência está descrita no art. 102 da Constituição-Cidadã de 88.

Curta e grosseiramente, e a bem da verdade, em verdade vos digo: as ações hábeis à realização da verificação da Constitucionalidade das leis e normas em face da Constituição de Ulysses & Outrosquetais são:

·         Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI);

·         Ação declaratória de constitucionalidade (ADC);

·         Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF).

A função institucional fundamental do STF – imagine só! - é a de servir como guardião da Constituição-Cidadã, apreciando casos que envolvam lesão ou ameaça à Constituição.

Mas daí sucedeu-se que primeiro, fez-se o Supremo Tribunal. Daí logo nasceram as duas turmas e assim, desde então, mas agora com maior frequência e desfaçatez, seus ministreis vêm dando um jeito de acomodar melhor as coisas que, à luz meridiana do sol, apenas escapam de ser delito comum para ser oportuno protecionismo descarado e servil à voz dos donos.

E esses donos, todos nós sabemos, são os espíritos iluminados – almas penadas - da pior e mais nociva safra de presidentes que o Brasil já teve, antes de virar a República da Toga da Mironga, a saber: Sarney Marimbondo de Fogo, Fernandinho Beira-Collor, FHCeboso, Lulavagem da Silva, Dilmandioca Sapiens e Micheletto Docas Temer.

Preciso é dizer-se que, pela lei que eles margeiam com destreza e perniciosa habilidade, ‘’de suas decisões não cabe recurso a nenhum outro tribunal’’.

Então isso quer dizer, se os supremos julgadores forem desobedecidos, eles não têm mais nenhuma instância à qual recorrer. Nem mesmo aqueles que os apadrinharam têm poder e bala na agulha, nem sequer café no bule, para apitar alguma coisa.

Tradução: se houver desobediência firme e geral; se numa reação em cadeia, ninguém der bola para o que eles decidem, nem cumprir os seus mandos e desmandos, os tais donos, os tais semideuses da Supremacia Absoluta não têm a quem recorrer e ficam todos com cara de bobo, ou, como direis: a ver navios.

E a nossa Justiça não será tão tardia e muito menos haverá de tanto falhar.  

02.

IMUNIDADE & IMPUNIDADE

Nem mesmo a pior safra de presidentes da história desse País, sequer sonhou que poderia contar tanto e tão desavergonhadamente com o servilismo interesseiro e sórdido dessa pandilha de encapados que ocupa a República da Toga da Mironga.

 

Ali, ninguém segue a lei; todos contornam a lei; todos margeiam os limites extremos das regras e constroem seu código messiânico de salvação suprema e incontestável para transgredir a ordenação social sem correr o menor risco de qualquer penalidade ou sanção.

03.

RUIM COMME D’HABITUDE

Triste nação aquela que conta com uma Corte de Justiça tão suprema que é tão perniciosa quando acerta, quanto é malévola quando erra, comme d’habitude. Quando acerta é até muito pior para a nação do que quando erra. Acertando, ela deixa no povo a impressão de que sua existência é fundamental.

04.

INDA QUE MAL PERGUNTE...

Se ninguém obedecer a uma ordem suprema, para quem o mandão supremo vai se queixar?!?

05.

ZONA SUPREMA

Nesta terça-feira, o STF decidiu que enquanto persistir a pandemia, não haverá ação policial nas favelas do Rio de Janeiro. A Polícia fluminense definiu bem a obra dos senhores de Toga da Mironga: “O STF criou a Zona de Proteção ao Crime”. E assim é que a Grande Casa e Senzala vai prestando valiosos serviços à comunidade.

06.

INDA QUE MAL PERGUNTE...

E o Augusto Aras não vai pedir pra sair?!?

07.

BRASIL PERDE POR 2X1 PARA OS LULAVADORES

Consórcio dos jornalojões e televisilojas, feliz da vida com o golpe da Segunda Turma do STF para demolir Sérgio Moro e livrar a cara de Lulavagem da Silva: “Sentença traz acusação pesada da parcialidade de Moro’’. Basta saber qual foi o resumo do STF de quatro no ato: Frachin votou pela pátria, amada; Cármen Lúcida e Celsinho de Tatuí fugiram da raia e Levianowski e Gilmuar fizeram os gols contra o Brasil. Pronto, 2 x 1 para os Lulavadores fanáticos.

08.

SONHO

A Justiça determinou o sequestro de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin na Lava-Jato. Ah, besteira: vai lá no terreiro de Gilmuar e faz uma tucanagem que o pesadelo vira sonho dourado.

09.

MOMENTO CULTURAL

O Brasil importa 1 milhão de toneladas de nitrato de amônia por ano. Isso vem estourando nas nossas costas largas e a gente nem se dá conta.

10.

JÁ ERA

E pensar que Beirute já foi a ‘’Paris do oriente Médio”...

11.

MEU PERSONAGEM DA SEMANA

O ‘meu personagem da semana’, são quatro: Cármen Lúcida e Celsinho de Tatuí...  É preciso ter coragem para tamanha covardia: só de ver a sombra de Gilmuar e Levianowski, fugiram da raia.

12.

MAU EXEMPLO SUPREMO

O pato Donald Trump citou ontem o Brasil como mau exemplo no combate à Covid-19. Na verdade, o “Brasil” de Trump está pagando o pato pelo STF que – conforme Gilmuar Boca de Trombone – tirou o poder de Bolsonaro e passou para os governadores e prefeitos. É preciso dizer, o mau exemplo, dessa vez não é de Bolsonaro. O mau exemplo veio de cima, do Supremo que é cada vez mais brasileiro.

13.

O ITEM 13

E aqui, no item 13 do ‘apanhado’ de hoje, lembro aos brasileiros que me seguem que o Lulavagem da Silva, graças ao STF, está devendo ao Brasil pelo menos 30 anos de cadeia em regime fechado. E não paga e não bufa.


5 de ago. de 2020

PONTOS A PONDERAR...

Por: Sérgio A. O. Siqueira

Porque hoje é quarta-feira / o mundo é dose pra mamute / Porque hoje é quarta-feira / basta ver a explosão de Beirute

01.

BEIRUTE EXPLODE

Beirute explode. Mais de uma centena de mortos e milhares de feridos. Não há evidências de ataque terrorista. Nem precisa. Basta ver o ar de satisfação nas faces do terror. Os terroristas celebram como se fosse coisa deles.

02.

TRAGÉDIA

É pândega a democracia que, a todo momento depende de uma decisão tomada por um desses luminares da Milícia Lulatroz da Toga da Mironga...  É uma tragédia, quando um país depende do coice boçal, malcriado e infeccioso de uma pandilha intocável como essa.

03.

AH, OS CORREIOS!

E eis que os Correios entram em greve. A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos foi uma das mais confiáveis na história da máquina administrativa brasileira. O PT chegou, abancou-se e...quebrou a banca.

04.

O MORRO MORRE

Cercados de seguranças e guarda-costas por todos os lados, os valentes luminares da República da Toga da Mironga decidiram que é bom pra tosse da população das favelas cariocas que não haja ação policial por lá enquanto houver cheiro de pandemia pelos morros do Rio de Janeiro. No Rio, o morro morre de medo.

05.

MAIS FÁCIL PERDER

Modesto Carvalhosa protocolou nesta terça-feira pedido de impeachment de Augusto Aras, capataz do governo na PGR. A alegação é de improbidade no uso e abuso do cargo. É meio exagerado, posto que a própria figura de Aras banaliza o instituto do impedimento legal. Em todo caso, entende-se o Carvalhosa: ele sabe que melhor seria Augusto Aras, envergonhar-se e pedir pra sair. E sabe, como todos nós sabemos, que nesses casos vergonha é coisa mais fácil de perder do que ter.

06.

NÃO ESQUEÇA

Graças à Milícia Lulatroz da Toga da Mironga, Lulavagem da Silva está devendo ao Brasil e não paga, mais de 30 anos de cadeia em regime fechado.

07.

TÁ NA HORA

Nesta terça-feira gorda, a zelosa Cármen Lúcida deu 48 horas para o Ministério da Justiça se manifestar sobre o tal dossiê antifascistas. Isso foi ontem, agora o pastor André Mendonça jé tem só 24 horas para se explicar.

08.

FRAUDE NOS CORREIOS BATE NOS R$ 100 MILHÕES

Operação da PF contra fraude nos Correios aponta desvios de R$ 94 milhões

Corporação cumpre 12 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Praia Grande (SP), São Vicente (SP) e Rio de Janeiro.

Essa operação começou em novembro de 2018, logo depois da eleição de Bolsonaro à Presidência da República. Essas coisas levam tempo mesmo. Muito mais tempo do que a Lulapetelhagem levou para demolir a credibilidade e a qualidade de serviços dos Correios, até então uma das mais sólidas e confiáveis instituições públicas brasileiras.

09.

PASTOR VIGÁRIO

O Ministério Público Federal entrou ontem com uma ação civil pública na Justiça Federal de São Paulo requerendo que o pastor Valdemiro Santiago e a sua Igreja Mundial do Poder de Deus paguem, pelo menos, R$ 300 mil de indenização pela venda de sementes de feijão como cura milagrosa para o novo coronavírus. Cada semente era vendida por até R$ 1 mil.

Em vídeos datados de maio, o pastor-vigário sugeriu que caso as sementes fossem plantadas, curariam o vírus. Ele garantiu até que um fiel paciente se recuperou da doença após seguir a orientação, o que poderia ser comprovado por meio de um atestado médico. Os procuradores alegaram que Valdemiro incorreu na vigarice do que se chama prática de religiosidade abusiva.

Sei lá, mas olhando assim a cara desse Valdemiro, até prova em contrário, acho que nem de graça você não deve plantar grão pra combater a pandemia. Esse vigário que vá plantar batata!

10.

OZÔNIO ASSIM, NEM DE GRAÇA!

A prefeitura de Itajaí, cidade localizada em Santa Catarina, já causou andou causando polêmica durante a pandemia do novo coronavírus por defender métodos de tratamento completamente fora do padrão adotado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A última novidade do prefeito Volnei Morastoni (MDB), que é médico, será a aplicação de ozônio no ânus dos pacientes.

Em vídeo publicado nas redes sociais e editado com o tradicional atraso pelos jornalojões e telelojas convencionais, o prefeito diz que “Além da citromicina, além da cânfora, nós também vamos oferecer o ozônio. É uma aplicação simples, rápida, de dois ou três minutinhos por dia, provavelmente via retal, tranquilíssima, rapidíssima, em um cateter fininho, e isso dá um resultado excelente”. 

Fosse na esquina do Aquários, café da minha pátria pequena que deixei lá no Sul, onde todo mundo sabe quem anda com a mulher der quem, a turma de abertura do expediente aquariano já teria espalhado o seu conceito inicial e seguro: “Esse cara nunca nos enganou”.


4 de ago. de 2020

PONTOS A PONDERAR..

01.

CONSÓRCIO DOS COVEIROS DA NOTÍCIA

(Globo/G-1/Extraband/Estadão/Folha/UOL)

Querem saber o placar mórbido da pandemia?!? Peguem os dados, por favor, com os cartórios de suas cidades. Os números do tal Consórcio de Jornalojões são fajutos: suas fontes de informação, os governos estaduais e municipais, são as mesmas fontes que até agora não souberam e não sabem o que fazer com a pandemia.

02.

QUE PERIGO!

Ela, a Segunda Turma da República da Toga da Mironga, está de prontidão nesta terça-feira esquálida dessa gorda quarentena. Vai analisar mais um pedido de Lulavagem da Silva para paralisar o processo em que é acusado de corrupção e lavagem, duas manias que o nobre réu não consegue perder.

Nesse caso, Lulavagem é acusado das duas, digamos, excentricidades que o levaram a receber um imóvel da Odebrecht para sediar o operoso Instituto Lulavanderia.

A defesa de Lulavagem coleciona uma série de derrotas nesse caso. Nos estertores do ano passado, Edson Frachin – relator da maracutaia – negou assim por baixo meia-dúzia de ‘cantadas’ de revisão da tal ação. E até o Dias Toffolia rejeitou um habeas porcus tentado durante um de seus plantões de recesso.

Mas, o perigo aparente agora é que o recurso caiu bem a gosto desse agosto com Gilmuar, Levianowski, decano curto Celso de Tatuí e Cármen Lúcia. Faça as contas rápidas e veja que o placar já sai de 3 x 0 para os bandalhos.

Mas, porém, no entanto, todavia, contudo, o perigo não vem sozinho. A discussão de hoje lá na Segundona tem tudo para fazer as vontades da pandilha do Lulavagem, naquele demolidor habeas porcus pendente que virá a ser julgado ainda no decurso desta horrenda quarentena: aquele que levanta a suspeição de Sérgio Moro.

O golpe é fazer Sérgio Moro de bandido e Lulavagem de mocinho. Uma vez Moro criminalizado, a decisão dos semideuses da Toga da Mironga, podem anular as duas condenações de Lulavagem na Lava-Jato pela roubalheira do tríplex do Guarujá e do sítio de Atibaia. É que, mesmo não tendo prolatado a sentença no caso de Atibaia, Moro atuou na fase de inquérito daquela patifaria.

E olha nóis aí traveis, correndo sério perigo. Não é Lulavagem da Silva que está a perigo. Somos nós, mais uma vez. Bem feito, quem manda a gente pagar impostos para essa pandilha de sevandijas, fazer o que vem fazendo com esse país que era feliz e não sabia.


PONTOS A PONDERAR...

Por: Sérgio A. O. Siqueira

Porque hoje é terça-feira / quem não é malandro berra

Porque hoje é terça-feira / o combate é com tanques de guerra

01.

OPERAÇÃO-DESMANCHE

Sérgio Moro saltou no escuro quando pensou que, em sua luta contra a corrupção, seria mais útil no Ministério da Justiça do que na Magistratura. Bolsonaro pulou na fogueira, quando não conseguiu emplacar seu filho Carluxo na chefia da Secom – Secretaria de Comunicação do seu governo. E assim, começou a operação-desmanche da Lava-Jato.

02.

TANQUES DA GUERRA

Bolsonaro, eleito com a bandeira do combate à corrupção, tem hoje dois tanques da guerra de canhões voltados para a demolição da Lava-Jato: a PGR, comandada por Augusto Aras e o Ministério da Justiça, do terrivelmente obediente André Mendonça. O outro tanque dessa batalha do bem contra o mal é tocado pela Milícia Lulapátrida Suprema.

03.

TIRO NO PÉ

Frachin, da República da Toga da Mironga, deu um tiro no pé de Toffolia e revogou ontem a decisão monocrápula que dava à PGR de Aras acesso aos dados da Lava-Jato, em Curitiba. Emperrou o desmanche. O Augusto e nobre servidor de Bolsonaro vai recorrer. Caberá então, a Toffolião decidir se manda ou não a urdidura ao plenário da magnífica Corte.

04.

BANALIZAÇÃO

Modesto Carvalhosa continua queimando pólvora em Ximango. Diz agora que vai entrar com pedido de impeachment contra Augusto Aras. Diz que Aras fez da Procuradoria-Geral da República uma capatazia a serviço do seu padrinho. Acho que Carvalhosa está meio que banalizando o instituto do impeachment com um bananão como esse serviçal do atual estado de coisas.

05.

BIC AZUL

Só para lembrar: Augusto Aras foi feito ‘autoridade’ pela Bic azul de Bolsonaro. Vê-se agora que não estava preparado para tanto. Sua autoridade é, como esperava seu padrinho, a autoridade de um servente; no máximo, de um capataz.

06.

ENTREMENTES...

Nada menos de 100 milhões de brasileiros vivem à margem de esgotos a céu aberto: um inferno. E outras 35 milhões não têm sequer acesso a água tratada. Eis a herança que ficou dos tempos de Lulavagem da Silva e seus asseclas no poder.

 

07.

PALMAS

O governo Bolsonaro quer economizar R$ 1,3 bilhão enxugando aluguéis de imóveis dentro da máquina pública. Palmas para o governo que ele merece.

08.

O BOCÃO

Gilmuar, Boca Ambulante: “O STF tirou de Bolsonaro o poder de reabrir o comércio e entregou essa responsabilidade aos Estados”. Pronto, mais uma confissão de culpa. Basta ver o que governadores e prefeitos fizeram com a pandemia e com os borbotões de dinheiro que enfurnaram.

09.

AH, COITADO!

Lulavagem da Silva tenta de novo ter Justiça gratuita. Pobrezinho, alega que sofre bloqueio dos seus bens e contas bancárias. Não levou. A Justiça de quando em vez não falha nesse país.

10.

O RESPONDÃO

Bolsonaro disse ontem que “não respondo por medidas tomadas por instituições de outros poderes”. Mas, ah galo véio, seu! Então, Tá, a gente sabe: responde pelas medidas tomadas pelo poder que lhe cabe.

11.

ABRE-TE, SÉSAMO!

A Lulapetezalhada, à margem do poder central, está que já não aguenta mais viver sem dizer ou ouvir as palavras mágicas dos bons tempos de propina: “Projeto” e “Financiamento de campanha”.

12.

O FENOMENAL

Lulinha, o Ronaldo Fenômeno do mundo dos negócios rápidos e rasteiros, vendeu a parte que lhe tocava no latifúndio da Gamecorp. Em tempos de pandemia, acabou logo o gênio empresarial, do filho de Lulavírus da Silva. Quanto levou em mais essa parada, ninguém sabe, ninguém viu. Mas, para um ex-tratador de elefantes, está pra lá de bom.

13.

POR COMPULSÃO

Sempre que chego no item 13 desses ‘Pontos a Ponderar’... por impulso e compulsão me lembro do Lulavagem da Silva... E então a propósito, não esqueçam que Lulavagem está devendo ainda e por enquanto, para o Brasil, pelo menos 30 anos de cadeia em regime fechado.

14

CENSURA MUNDIAL

E eis então que Xandão lançou, com sua carga ligeira sobre o Facebook, a mordaça internacional. Xandão, é o primeiro grande censor do mundo.

15.

OS PERIGOSOS

O perigo quando as instituições estão funcionando são os seus pontos de referência: os seus comandantes de plantão. Quanto mais eles são ‘chefes’, mais perigosos eles se tornam para a sociedade das pessoas de boa paz.

16.

PRO RESTO DA VIDA

Onyx Lorenzoni admitiu ontem a sua singela Caixa-2. Vai pagar R$ 189 mil para encerrar as investigações. Pronto, não é inocente para o resto da vida.

17.

CAIXA-2 E 3

A hipocrisia é tanta na politicalha brasileira que os partidos fingem que o Caixa-2 é mesmo para as campanhas eleitorais e não o canalha Caixa-3 que vai para o bolso dos seus caciques.

18.

A LUTA CONTINUA...

Frachin contrariando Toffolia, barrou o desmanche da Lava-Jato. Mas o ataque vem agora de outros escaninhos do aparelho governativo: André Mendonça, terrivelmente ministro, acabou de demitir o diretor do órgão de inteligência do Ministério da Justiça.

Bolsonaro, por sua vez, trocou ontem mesmo o secretário de Relações Institucionais do governo. Sem contar é claro que Augusto Aras continua no campo de batalha, já que “não tá morto quem peleia! ”. Ah sim, sim...e levem em conta que Alcoolúgubre e Rogringo Mala, continuam de plantão permanente.


3 de ago. de 2020


PONTOS A PONDERAR...
Por: Sérgio A. O. Siqueira

01.
EU SOU VOCÊ

Já, já, Bolsonaro diante de Lulavagem vai dizer que “eu sou você, agora! ”. Basta Paulo Guedes emplacar a nova CPMF – o imposto do achaque ao cheque, em versão aprimorada, posto que avançará cartão de crédito a dentro.

Com ele, Bolsonaro vai suprir o mercado com um modelito incrementado do Bolsa Família, o simpático e penetrante Renda Brasil. A boa ideia, uma espécie de Lulasonaro, é criar vagas à rodo para uma nova classe social, menos que C e nem tanto classe D. A gente já viu esse filme.

E, então tá! Se é para o bem da nação e o mal da geração Lulampulhante, digam ao povo que fico nessa com o governo que aí está e não abro.

02.
PRISÃO ELETRIZANTE DE POLÍTICO-TRAFICANTE SOLTO POR LEVIANOWSKI

Pois, não é que foi preso neste domingão do Faustão, com mais de meia tonelada de cocaína, num avião de pequeno porte, Nélio Alves de Oliveira, um setentão safado que já foi vice-prefeito e até presidente da Câmara de Ponta Porã.  Até aí, morreu o Neves. Bolas, pessoas são pessoas e políticos são isso aí mesmo, salvo horrorosas exceções.

Perseguição aérea até Ivinhema termina com 510 kg de cocaína ...Há menos de dois anos, no glorioso 2018, Nélio cumpria pena por tráfico de drogas, depois de ter sido condenado pelo TRF-3, quando de repente e não mais que de repente, ele foi solto por Ricardo Levianowski que, chutou de bico a jurisprudência que permitia prisão em segunda instância.

Levianowski do alto de seu trono na Tribo Suprema, mandou soltar o traficante disfarçado de político, ou vice-versa: soltou o político disfarçado de traficante, versão mais amena e até quase que mais aceitável socialmente do que ser um perfil apenas fruto de votação popular.

Levianowski na época foi doutoral: “Em nosso sistema jurídico, desde 1988, o trânsito em julgado da decisão condenatória sempre se deu com o esgotamento de todos os recursos e instâncias ordinárias e extraordinárias”.

Piloto preso com avião cheio de cocaína já foi vice-prefeito e ...Agora, Nélio foi preso, ontem, depois de uma bela blitzkrieg realizada por aviões da Força Aérea Brasileira. 

O bandido solto por suprema leviandade pilotava ontem um belo de um bimotor e recebeu ordem para pousar em Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul. No momento da aterrissagem, ele – qual herói de revista em quadrinhos - arremeteu a aeronave, que aí sim, foi perseguida pra valer.

Eis que, senão quando, de repente e não mais que de repente, faltou combustível e o larápio solto por Levianowski foi obrigado a fazer um pouso de emergência, nas cercanias de Ivinhema, perto de Dourados.

Nélio é integrante da organização criminosa comandada pelo megatraficante Jorge Rafaat, assassinado numa emboscada do PCC em junho de 2016 na fronteira do Brasil com o Paraguai. Mas isso é outra história e, aí sim, Levianowski e sua Tribo Suprema não têm nada a ver com isso.