3 de abr de 2019

PONTOS A PONDERAR

01.
A GOVERNANÇA DE BOLSONARO

Bolsonaro parece que não se deu conta ainda de que foi eleito por algumas razões muito maiores e mais fortes do que realizar a tal reforma da Previdência. 

Bolsonaro foi eleito por quem já não aguentava mais o PT e seus cúmplices; foi eleito pela facada no abdômen; foi eleito para combater a corrupção e a ladroagem desvairada pública e privada; foi eleito por alguns admiradores. 

Isso quer dizer que, enquanto batalha pela reforma previdenciária tem que lutar pelo pacote anticrime de Moro; tem que se cuidar para que o lulopetismo não ressurja das brumas; tem que fazer jus aos votos de alguns admiradores e, fundamentalmente, cuidar-se para nunca mais levar uma facada na barriga.

02.
LULA VAI ESPERAR SENTADO

Aquele 'providencial'' pedido da OAB para adiar o julgamento no STF sobre a prisão em segunda instância foi engendrado pelo lado canhoto da instituição dos advogados do Brasil com Dias Toffoli, o eminente gerente da Supremacia Absoluta.

A justificativa não propalada é de que não há clima para julgar o tema que iria desembocar inevitavelmente na liberdade de Lula, o corrupto convicto em lavagem de dinheiro

OAB e Toffoli chegaram à conclusão de que a maioria dos ministreis acha que ''não é hora de comprar mais uma briga com a opinião pública”.

Aqui, ó! Depois tu pita na cola da cabrita! Os luminares intocáveis do STF tão nem aí para a opinião pública. Os manobreiros de ocasião decidiram adiar sine die o julgamento porque, sentiram no ar a fedentina da derrota.

E assim é que Lula vai ter que esperar sentado na cela estrelada da PF em Curitiba para gozar o pleno sol da liberdade que brilha do lado de fora do pátio da cadeia.

04.
ARTICULAÇÃO POLÍTICA
Teu nome é gorjeta oficial.

05.
INVEJOSO
Governo de São Paulo abrirá escritório comercial em Xangai, diz Doria. Esse João Doria é mesmo um ganancioso: ficou louco de inveja do escritório que o Bolsonaro abriu em Jerusalém.

06.
TÁ NA BÍBLIA, PÔ!
Agora o TCU vai votar se o salário de estatal deve ter teto de R$ 39,2 milUma das teses é que companhias capitalizadas pela União deveriam cumprir o limite; executivos dessas empresas ganham até R$ 195 mil. Bolas está há anos mortos na Constituição-Cidadã de 88 que ninguém no serviço público deve ganhar mais do que o salário dos ministros do STF que nem fizeram concurso público nem nada para merecer ganhar o que ganham. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário