24 de abr de 2019

PONTOS A PONDERAR

01.
ENTREMENTES...
Abaixo de barraco a CCJ da Câmara aprovou pelo elástico marcador de 48 x 18 o relatório da Reforma da Previdência. O ronca e fuça durou quase nove horas. Agora a reforma seguirá para a tal de comissão especial que deve ser instalada no dia 25. Esses caras ainda falam nisso, porque ninguém mais fala no pacote anticrime.

02.
LULA NO SEMIABERTO

Antes de setembro Lula não tem direito a pedir progressão para o regime semiaberto. Se o TRF-4 se reunir em agosto, esse pedido poder ir para o Dia de São Nunca. 

Mas, só por maldade, eu até que gostaria de ver o Lula cumprindo o tal regime semiaberto. Pô, ele continuaria sendo um presidiário corrupto e especialista em lavagem de dinheiro, mas tendo que trabalhar durante o dia, para voltar à noite para dormir numa cadeia de verdade e não naquela hospedaria estrelada da PF, em Curitiba. 

E outra parte que também me agrada é que esse trabalho não pode ser em empresa dele mesmo: Lula terá que servir a um patrão que não seja do ramo das falcatruas e que apresente relatório mensal à Justiça sobre o desempenho e frequência do notável aprendiz de operário. Ah, sim... Lula não pode nem ter a boa ideia de beber, nem se encontrar com os velhos sócios dos sindicatos da mesma dor. Isso não tem preço. 

O diabo é que, se nesse meio tempo o TRF-4 ratificar a sentença de 12 anos e caqueradas pelo crime do sitio de Atibaia, Lula vai ter que voltar para a cadeia por ser reincidente. Aí acabam as minhas alegrias de ver Lula trabalhando nessa vida. 

Pô, é sempre assim, alegria de pobre dura pouco.

03.
A CAVEIRA
Lula não pode pedir progressão de pena antes de setembro. O TRF-4 deve fazer a caveira de Lula em agosto.

04.
LULA É TRI
O STF ontem foi uma espécie de CBF da Justiça: consagrou Lula como tricampeão das instâncias judiciárias nas modalidades de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

05.
SONHAR
Mal posso esperar pelo dia de ver o Lula solto, passeando na praça sozinho e ainda assim mal acompanhado, ou num estádio de futebol como qualquer brasileiro trabalhador, contribuinte e honrado. Sonha, mesmo que seja um pesadelo, não custa nada, né não?!?

06.
ITAIPU CORTA A GANDAIA DOS PATROCÍNIOS 

O general Joaquim Silva e Luna, diretor-geral da pele brasileira de Itaipu Binacional, cancelou todos os patrocínios que estavam em vigor, sem que tivessem relação com a missão da empresa. Foram rescindidos nada menos de nove contratos que chegavam a R$ 42 milhões. 

Um dos nove convênios mandados para o espaço por Silva e Luna foi o da Itaipu com a ainda aparelhada FGV, que está promovendo o VII Fórum Jurídico de Lisboa – encontro notável que tem Gilmuar Mendes como um dos seus graciosos organizadores. 

Cuidem só a raiva que esse cara que não faz a lição de casa no Supremo, vai destilar no seu amargo regresso de Lisboa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário