3 de mai de 2019

PONTOS

01.
BOLIVARICES
Se Cristina Kirshner. a Dilmandioca Sapiens dos Pampas, voltasse ao poder, a Argentina seria a Venezuela do Cone Sul do mundo.

02.
LÓGICA SUPREMA
Se o Zé Dirceu condenado a mais de 30 anos por corrupção e formação de quadrilha está solto, por que o Lula tem que estar preso?!?

03.
COAF É DO MORO
Em Santa Catarina, Jair Bolsonaro disse e não mandou dizer que o COAF é do Sérgio Moro e pronto. Os gil/muares que andam à solta por aí que se cuidem.

04.
BINGO

Cantei essa pedra faz tempo: Sérgio Moro não tira os olhos da chapelaria. Está para pegar o boné e se mandar com malas e bagagens do governo. Moro está se segurando para não chutar o balde cheio de sabotagens contra a sua gestão no Ministério da Justiça. 

A bandidagem de sempre e vaidosos de ocasião fazem de tudo para que não seja aberto o seu pacote anticrime enquanto tentam tirar a área de Segurança da sua pasta. 

Ontem, Bolsonaro garantiu que o COAF, outra pedra-de-toque do temor dos canalhocratas, fica com Moro. Ainda é pouco. Sérgio Moro está a um passo de dar tchau e benção.

05.
GOVERNO PORCINA

A obsessão pela reforma previdenciária relegou o pacote anticrime de Moro a um triste e frustrante segundo plano do governo Bolsonaro. Nada é mais importante para o Brasil do que tirar os corruptos da máquina pública. 

Vou contar um segredinho de Polichinelo pra vocês: se o Sérgio Moro pedir o chapéu, o governo Bolsonaro vira viúva Porcina: foi-se, sem nunca ter sido. 

Moro é o selo Olho de Boi de garantia à credibilidade que ainda reste a Bolsonaro. Os outros selos de garantia são os militares nos postos-chave do governo que patina, tropeçando em gurus dos dentes pra fora como Guedes e Olavos.

06.
SORTE DO GOVERNO

A sorte do governo Bolsonaro é que Sérgio Moro sempre teve aquela cara sisuda e fechada de sempre. Isso é que tem escondido dos observadores de plantão a decepção e o descontentamento de Moro pelo fato de seu pacote anticorrupção ter sido relegado a um plano secundário.

07.
LENGALENGA
A sorte da tal reforma da Previdência está na dependência de dois Paulos: o Guedes e o Paulinho da Força. E essa lengalenga vai dar no que esse país não merece. Nenhuma reforma, ainda que seja para o bem, feita por esse Congresso que aí está, deixará de ser muito pior para os brasileiros.

08.
O ANTRO
Sérgio Moro não é benquisto no Congresso Nacional. Isso apenas reforça o caráter sério e inquebrantável do dono do pacote anticrime: quem não gostaria de ser malquisto num antro com ''mais de 300 picaretas''?!? 

09.
NA GAVETA
O grande desencanto de Sérgio Moro está no Palácio do Planalto. É aquele que não se importou quando jogaram o pacote anticrime para o fundo da gaveta.

10.
ENTREMENTES...

O Supremo Tribunal Foderal reforça a própria segurança depois de ''descobrir'' um mirabolante plano para ''metralhar'' os seus ministros. Besteira. Jogo de cena, por ali é mato. Já deveriam estar acostumados de serem ''bombardeados'' diariamente pela sociedade brasileira em peso.

11.
ROTA DE FUGA CONVALESCENTE

Todo bandido de alto coturno assim que vai preso, adoece. Essa modalidade de rota de fuga da cadeia foi inaugurada pelo juiz Lalau, sócio de Luiz Estevão na roubalheira do Tribunal Regional do Trabalho em São Paulo. 

Depois veio o Maluf e um séquito de notórias figuras adoentadas desse país de convalescentes descarados, como o coronel Laranja Lima de Temer que apareceu como cadeirante para ficar em silêncio num depoimento à Polícia. Agora o milagreiro João de Abadiânia está que não se aguenta em pé... com as mãos pra trás. 

E o Superior Tribunal de Justiça do alto de seu notável conhecimento de medicina curativa, acaba de prorrogar a internação médica do fragilizado João que já foi de Deus.

SCRIPTUM POST - Nesse cartel de conhecidos inimigos públicos encanados, justiça seja feita ao Lula: ele já está há mais de um ano na cadeia e não se queixou sequer de delirium tremens. Lula, o Nordestino, é antes de tudo, um forte.
12.
VENDA CASADA
Tá todo mundo botando a boca no trombone, por causa da pesagem das malas de mão nos aeroportos.... Mas quando é que vão abrir o berro contra as empresas aéreas pela marcação de assentos? Isso é venda casada, pô!

13.
ANISTIA
Damares Alves, ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, negou nesta semana 101 pedidos de anistia e ainda avisou: ''Já tenho outros 100 para análise''. Eufemismo: análise, nesse caso é ''vai trabalhar, vagabundo!".

14.
OS CARTÉIS
A influência do Cartel de Leguleios na Justiça brasileira é tão poderosa e evidente que ninguém dá a mínima importância para o Cartel dos Combustíveis. Parece que ninguém anda de carro; parece que ninguém se dá conta de que tudo que chega a nossa mesa é trazido pelos irmãos caminhoneiros...

15.
IN/JUSTIÇA
Como assim, Justiça Eleitoral julgando crimes comuns?!?

Nenhum comentário:

Postar um comentário