16 de abr de 2019

ATÉ MARCO AURÉLIO

Para o ministro mellodramático Marco Aurélio houve censura na decisão do seu colega Alexandre de Moraes de determinar à revista digital Crusoé e ao site O Antagonista a remoção da reportagem "O amigo do amigo do meu pai", que menciona o presidente da Corte, Dias Toffoli. Marco Aurélio disse e não mandou dizer que o episódio marca um "retrocesso em termos democráticos".


Nenhum comentário:

Postar um comentário