11 de fev de 2019

O FORTE APACHE E A CONDENAÇÃO À PRESCRIÇÃO PERPÉTUA

Resultado de imagem para TOFFOLI GILMAR LEWANDOWSKI MARCO AURELIOA prisão dos condenados em segundo grau tem o apoio de 80% dos juízes. 

Pesquisa realizada pela AMB, Associação dos Magistrados do Brasil, ouviu 4 mil juízes sobre a tal de prisão em segundo  grau. Resultado: apoio de 80% dos magistrados. Beleza, né não?!? Né não!


Isso aí, tanto faz como tanto fez. Grande coisa. Sabe por que? Porque ninguém deveria estar falando nisso a essa altura dos acontecimentos. Apesar de toda a sua boa vontade, o organismo dos magistrados deixou-se cair na esparrela de cinco pequenos imperadores do Sacro Império do Supremo Foderal.

É que em outubro de 2016, o plenário do STF decidiu de forma suprema e insofismável por voto eletrônico que a prisão pode sim, ser consumada após decisão em segunda instância. 

Essa questão só continua em pauta porque a Falange Malévola do Supremo, não respeita os demais ministros e muito menos o próprio tribunal. 

Resultado de imagem para ROSA WEBER
E muito menos ainda, mas muito menos mesmo, dá qualquer importância para juizecos e tribunalecos de primeira e segunda instâncias.

No fundo, no fundo, a prisão em segunda instância é o pior antídoto ao veneno da prescrição perpétua que faz do STF um verdadeiro forte apache em defesa dos bandidos de alto padrão e do crime organizado que tomou de assalto o Estado brasileiro.

Em outubro de 2016 votaram contra a prisão da bandidagem condenada por dois tribunais de Justiça os proeminentes ególatras: Toffolia, Levianowski, Gilmuar, Marc'aurelio Mellodrama e Rosa Weber de Iroshima. 

Para eles, o grande álibi é a mais ampla e irrestrita presunção de inocência ao amparo do elástico direito abstrato que conduz ao infinito direito de defesa.

RODAPÉ NOS FUNDILHOS DA JUSTIÇA - Quer dizer, basta o Lula bater pé e reclamar, dizer, choramingar e jurar que é inocente até prova em contrário, para que eles tirem o Lula da cadeia. 

E então, Lula - o presidente mais corrupto da História do Brasil - será condenado à pena interminável da prescrição perpétua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário