6 de mai de 2019

PONTOS A PONDERAR

01.
VENEZUELA
A vitória do Exército Brancaleone de Guaidó foi provar ao mundo que a Venezuela é hoje a prisioneira maltrapilha e esfaimada da tirania do ditador Nicolás Maduro. 

02.
ESCAPAMOS
As forças combalidas mas valentes de Guaidó, mostraram o que a sede de poder do canalha fanatismo bolivariano estava preparando para cada uma das ainda democracias latino-americanas. O Brasil escapou arranhando do plano maquiavélico do Foro de São Paulo que, enquanto puderam, os governos lulodilmistas financiaram arrombando as burras públicas. Escapou, mas ainda tem que aguentar os grunhidos dessas feras feridas.

03.
TCHAU E BENÇÃO
O medo, quase pavor, da alta bandidagem que usa a o manto sagrado do chamado Centrão continua pressionando o governo para tirar o COAF das mãos de Sérgio Moro. Se Bolsonaro ceder às pressões desse pacote antimoro para conseguir manter suas estrutura governamental com 22 ministérios, estará dando 'tchau e benção' para uma das últimas peças de credibilidade do bruxuleante e indeciso começo de governo.

04.
O GRUPO DO MAL
Se há um cara sério no Palácio do Planalto, esse cara tem a cara do general Santos Cruz. Pena que Bolsonaro esteja se deixando emprenhar pelos ouvidos, escutando as tramoias escancaradas da tropa de choque formada pelos 'Filhos do Capitão', Olavo de Carvalho e o agora chefe da Secretaria de Comunicação, Fábio Wajngarten. Esse grupo do mal está para o governo Bolsonaro, assim como a Milícia Suprema está para o STF.

05.
AS REDES SOCIAIS DO GOVERNO
Não entendam mal: o general Santos Cruz não quer cercear a liberdade de expressão das redes sociais. Santos Cruz quer botar um freio na liberalidade cavalar do uso abusivo, pernicioso e perturbador das redes sociais do governo.


06.
O INFIEL DA BALANÇA
Atônito, Bolsonaro está se deixando subjugar passional e intelectualmente pela paixão atávica dos seus filhos pelas redes sociais. Essa paixão deixou a gurizada medonha, mais do que atrelada, escravizada ao guru retirante, Olavo de Carvalho - o infiel da balança.

07.
FILTRO PERIGOSO
Sentindo na nuca o bafo da voz rouca das ruas e a reprovação geral da plateia brasileira, o STF diz agora que pretende adotar um 'filtro mais rigoroso' para os casos a serem julgados na Magna Corte. Vai ter trabalho para deixar de ser a grande delegacia de polícia que vem sendo até aqui. E outra coisa: esse 'filtro' vai selecionar mais ainda os padrinhos de sempre.

08.
CAMPO MINADO
Nesta quarta-feira, Sérgio Moro debaterá o seu pacote anticrime num dos abrigos antiaéreos de maior visibilidade, a Comissão de Segurança Pública da Câmara. Pobre e valente Sérgio Moro, está entrando em campo minado. Mas, guerra é guerra.

09.
O ROMBO É PELO ROUBO O Instituto Fiscal Independente (IFI), entregou relatório ao Senado, mostrando que a desvinculação de receitas de contribuições sociais - cujo fim está previsto na tal reforma da Previdência - é culpada pelo aumento no ano passado do déficit da seguridade social em 64%. Pelo documento, o rombo de R$ 280,6 bilhões do ano passado, sem a desvinculação das receitas, cairia neste glorioso 2019 para R$171 bilhões. Tá, agora eu quero ver um relatório que mostre em quanto cairia o prejuízo, se o pacote anticrime do Sérgio Moro botasse os ladrões da Previdência na cadeia.

10.
UMAS BOAS BENGALADAS

O Brasil está ralado mesmo com esse Congresso Nacional - sanduíche de gente que não é da gente. De nada valeram as eleições de outubro do ano passado. O brasileiro foi às urnas, votou pela renovação e até... renovou. 

Mas que nada. Tanto noviços quanto veteranos gastam os tubos para só para atrapalhar mais ainda esse resto de democracia que os 16 anos de PT no poder nos deixaram. 

Só para se ter uma ideia do que é essa pandilha de sevandijas, em janeiro e fevereiro o “ressarcimento se despesas” dobrou: de R$ 13 milhões em 2018 passou agora para R$ 26 milhões. 

Pô, isso dá vontade da gente fazer o que mesmo com essa rabacuada de aproveitadores?!? É que eu ainda não cheguei ao estágio do elegante uso de uma bengala... Senão, eu daria um pulo até lá. Juro que daria. 

RODAPÉ NO LOMBO - Não, não é o que vocês estão pensando. A bengala só seria usada em caso de defesa pessoal. Como vocês sabem, eles vivem agredindo a gente.

11.
AGENTE POLICIALESCO
O STF na sua fabulosa trajetória de posto policial, retoma nesta quarta-feira o julgamento sobre a pretensão de proibir Uber, Cabify e outros serviços quetais. Luiz Fux e Barroso votaram favoráveis aos aplicativos, mas o julgamento foi adiado em dezembro por pedido de vista de, adivinhem...do agente policialesco Ricardo Levianowski.

12.
DA CABEÇA AOS PÉS
Alckmin sobre o governo Bolsonaro: "É o PT de ponta-cabeça". Tá, até que parece mesmo. Com a diferença que não rouba nem deixa roubar. Mas e ele...é o Chuchu de nariz em pé?!?







Nenhum comentário:

Postar um comentário