7 de mai de 2019

PONTOS A PONDERAR

01.
NÃO, EU NÃO ACHO...
Não, eu não acho que, quando faliu a parceria com os cumpanhêros das FARC que entraram em declínio, o PT tenha se 'lembrado' do PCC para investir numa nova versão de guerrilha urbana.

02.
HISTORINHA DO BRASIL DA SILVA

A fatia mais gostosa do escândalo dos Correios, em maio de 2005, é que o comedor de bola, Maurício Marinho, acabou com a candidatura líquida e certa à Presidência da República do então chefe dos mensaleiros, Zé Dirceu, dono da Casa Civil do Lula. 

Dirceu, o irrecuperável delinquente seria a cereja do bolo de Lula e não a Dilmandioca Sapiens. Roberto Jefferson, meu malvado favorito, serviu a cabeça de Dirceu numa bandeja para quem tinha fome de justiça. Deus naquele tempo ainda era brasileiro.

SCRIPTUM POST - Dirceu condenado a mais de 30 anos de cadeia por muitos outros crimes de corrupção e por chefia de quadrilha, hoje anda solto por aí, graças ao canetaço de Dias Toffoli, seu eternamente agradecido subalterno de priscas eras.

03.
ISSO DÁ E PASSA, OU ELES VÃO ZARPANDO PARA O CÉU

Vocês estão indignados com a licitação do banquete do STF, mas já passou aquela indignação de 14 de abr de 2014, quando o governo Lula abriu licitação para a compra de 750 copos de cristal. 

Entende-se. É que naquela época, a compra era de grande utilidade. Os copos seriam para vinho, champanhe, licor e uísque. Essas coisas no Brasil Jaburu da Silva são assim mesmo. Indignação é um sentimento que dá e passa. Os ministreis supremos sabem disso. 

Amanhã ou depois você vai estar no bandejão e eles na maior lagosta banhada em vinhos premiados. E sim, sim... Como consequência natural amanhã o suas mortadelas e coxinhas diluir-se-ão num vaso sanitário. 

As lagostas, as coroas de carré de cordeiro, os caviares belugas de Suas Excelências serão apenas depurados em seus intestinos magníficos. Eles não dejetam como todo mundo; eles simplesmente descomem. E quando baterem as botas, vão todos zarpando em suas capinhas para o céu. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário