6 de fev de 2019

O CUMPANHÊRO BOM E BATUTA

Com duas condenações que batem num jubileu de prata de cadeia - 25 anos dourados de prisão - Lula passa a correr o sério risco de não dormir mais, com medo de não acordar jamais. 
Resultado de imagem para lula fazendo silencio
É que, sem perspectiva de liberdade, ele já está com caraminholas na cabeçorra e muito a fim de fazer o que sempre fez na vida com a sua cumpanherada: dedurar. Lula delator premiado... Eis a ideia. Mas é aí que mora o perigo. 

Lula delator tem tudo para ser o objeto do desejo de uma legião, de um exército de cumpanhêros ''bons de briga'' que preferem vê-lo calado para sempre do que palestrando como sempre gostou de palestrar por essa vida louca, vida breve... 

A pandilha de dedurados seria tão grande, tão extensa que a lista de prováveis mandantes daria um nó na cabeça dos investigadores e ninguém seria culpado. O crime... prescreveria. Comme d'habitude. 

Essa falta de indício é o selo de garantia do silêncio inabalável e, digamos, sepulcral, de Lula - O Cumpanhêro Bom e Batuta. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário