25 de abr de 2018

DALMO DALLARI, HÁ 16 ANOS, SOBRE GILMUAR: "UM SÉRIO RISCO À PRÓPRIA NORMALIDADE CONSTITUCIONAL".

Daqui a um mês e mais algumas horas, dia 28 de maio - mês das noivas - será o 16º aniversário do lançamento da pedra fundamental de Gilmuar Lula Mendes na cadeira de ministro do Supremo Tribunal Foderal. 

Um pouco antes, no dia 25 de abril de 2002, quando da indicação de Gilmuar para a Gaiola Dourada da Justiça brasileira, Dalmo Dallari, professor da Faculdade de Direito da USP, foi na goela de FHC pela indicação do seminume, o indígete que ali se criava. 

Dalmo Dallari disse e não mandou dizer, em artigo publicado no jornal Folha de S. Paulo que "tal indicação representava um sério risco para a proteção dos direitos no Brasil, o combate à corrupção e à própria normalidade constitucional". 

Para o conhecido legisperito Gilmuar estaria "longe de preencher os requisitos necessários para ser membro da mais alta corte do país". 

ATENÇÃO - Preste bem atenção no que vaticinava Dalmo Dallari: "um sério risco para a proteção dos direitos no Brasil, o combate à corrupção e à própria normalidade constitucional". Antene-se nesse finalzinho aí: um sério risco "à própria normalidade constitucional". Pô, o cara é uma ameaça ambulante!

Nenhum comentário:

Postar um comentário